A. A. LUZIÂNIA É BICAMPEÃO

O AZULÃO GANHA CAMPEONATO INVICTO

O Azulão venceu o Ceilândia por 1x0 no Estádio Mané Garrincha. Com um gol de Tatuí a equipe do Luziânia leva o bicampeonato invicto.

Hoje aconteceu a grande final do Candangão 2016 e o palco desse evento esportivo foi o estádio nacional Mane Garrincha, Brasília. O primeiro cartão amarelo da partida foi pra o Chefe jogador do Ceilândia. A partida começou bem disputada com pressão das duas esquipes. Aos 10 minutos de jogo o goleiro do Azulão Edmar Sucuri sentiu dor no ombro esquerdo e foi ajudado pelo a equipe. 

Com o primeiro bem equilibrado, as duas equipes que disputam a taça do campeonato encontraram resistência do adversário. Até os vinte minutos do primeiro tempo o Ceilândia obteve as melhores oportunidades de gol, animando sua torcida presente. O segundo cartão amarelo da partida saiu para o Clécio jogador do Ceilândia ao fazer uma falta no goleiro Sucuri. A torcida do Luziânia também compareceu em peso e ela incentivou a equipe. O terceiro cartão amarelo saiu outra vez para o Ceilândia por uma falta cometida pelo jogador Sandro. O primeiro tempo termina em 0x0 e com três minutos de acréscimo.

Com o início do segundo tempo o A. A. Luziânia já entra em campo com alteração, o jogador Aldo do Azulão sai e entra o Lesson Santos para substituí-lo. O Azulão entra em campo mais focado e começa melhor o segundo tempo. O quarto cartão amarelo da partida vai para o jogador Badhuga do Ceilândia. O Ceilândia faz sua primeira alteração na esquipe no segundo saindo Chefe e entrando Cassius. Segundo depois outra alteração do Ceilândia. O Azulão faz sua primeira alteração com a saída de Rodriguinho e a entrada do ídolo da torcida o Tatuí e logo depois leva seu primeiro  cartão amarelo da partida. Thiago Mariano entra no lugar do Alcione aos 38 minutos do segundo tempo. Mas antes da substituição ser anunciada, Alcione leva o cartão amarelo. Ao final do segundo tempo Tatuí faz um gol. E Dan leva um cartão amarelo.

Texto de Alysson Gomes

Voltar para Notícias